Plano de Resgate da Música em Niterói será discutido no próximo dia 20

17 outubro 2017 |


A cidade recebe o 4º encontro do Plano de Resgate da Música no Estado do Rio de Janeiro no Teatro Popular Oscar Niemeyer, com debate no dia 20 de outubro, às 16h


Iniciativa reunirá gestores públicos, músicos, produtores e empreendedores; encontro terá apresentação do Edital de Incentivo Fiscal a Projetos Culturais da Prefeitura de Niterói e a proposta para o novo Fundo Estadual de Cultura

Com a proposta de elaborar propostas para a estruturação do segmento da música ao vivo no Estado do Rio será realizado pela Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro e a Secretaria das Culturas de Niterói um encontro no dia 20 de outubro, no Teatro Popular Oscar Niemeyer, no Centro de Niterói.

Será o quarto encontro do Plano de Resgate da Música no Estado do Rio de Janeiro, iniciativa que reuniu mais de 300 profissionais da música desde dezembro de 2016.

O evento terá um debate com gestores do campo da cultura e inclui a apresentação do Edital de Incentivo Fiscal a Projetos Culturais da Prefeitura de Niterói e a proposta para o novo Fundo Estadual de Cultura.

“O objetivo do Plano de Resgate da Música é reunir gestores de palcos, artistas, produtores, sindicatos, associações e instituições de fomento para pensar em modelos de apoio. O setor da música é estratégico para o Estado do Rio de Janeiro e enfrenta desafios imensos a partir das inovações tecnológicas e mudanças no hábito do consumo de música”, diz o Secretário de Estado de Cultura, André Lazaroni.

Edital de Incentivo de Niterói
No encontro os profissionais da música e da produção cultural poderão tirar dúvidas sobre o Edital de Incentivo Fiscal a Projetos Culturais de Niterói. O edital, elaborado em acordo com a nova Lei do Sistema Municipal de Cultura, permite que pessoas físicas deduzam até 20% do valor devido de IPTU, e empresas, até 20% do IPTU e do ISS, para apoiar projetos culturais. Os proponentes devem inscrever seus projetos até o dia 06 de novembro deste ano (2017). As informações necessárias para a inscrição encontram-se no site www.culturaniteroi.com.br/simfic

Plano de Resgate da Música Ao Vivo - 4o Encontro
Apresentação do Edital de Incentivo Fiscal a Projetos Culturais da Prefeitura de Niterói
Público-alvo: músicos, produtores, gestores de palcos, estudantes e profissionais da cadeia produtiva da música
Dia 20 de outubro - sexta-feira
Horário: 16h (credenciamento) e 17h (início)
Local: Teatro Popular Oscar Niemeyer - Centro - Niterói
Inscrições no local. Sujeito à lotação do espaço.

Mesa Institucional

André Lazaroni, Secretário de Estado de Cultura do Rio de Janeiro
Marcos Gomes, Secretário Municipal das Culturas de Niterói
Victor de Wolf, Superintendente do Sistema Municipal de Financiamento à Cultura

Debatedores

Gisella Chinelli, Produtora do Centro de Artes – UFF
Karen Keldani Coordenadora de Música da SEC/RJ
Arthur Maia, Músico e Produtor, ex-Secretário Municipal das Culturas de Niterói
Alexandre Santini, Diretor do Teatro Popular Oscar Niemeyer
Leo Feijó, Superintendente-adjunto de Artes da SEC/RJ
Daniel Domingues, diretor da Incubadora Nós de Rede, co-fundador da Ponte Plural

Niterói:
Secretaria das Culturas de Niterói: (21) 2719 9639 – ramal 221 edital.simfic@gmail.com
SEC/RJ
Superintendência de Artes | SEC RJ- 21 2216-8500 ramal 341 ou redemusicarj@gmail.com

Temas sugeridos para o debate:
• Diagnóstico da realidade dos palcos de pequeno e médio porte em Niterói e arredores
• Legislação | Alvarás
• Plataformas digitais | Financiamento coletivo
• Recursos para manutenção dos palcos e programação artística

Link do relatório do PLANO:
http://www.cultura.rj.gov.br/uploads/externo/SEC-ATA_PLANO_RESGATE_MUSICA_RJ_AO_VIVO_ENCONTRO.pdf

Faça seu cadastro no ELOS e participe da rede da música no RJ
http://www.cultura.rj.gov.br/elos

Mais palcos. Mais oportunidades. Mais música.

Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro
Superintendência de Artes
21 2216.8500 ramal 341
www.cultura.rj.gov.br


Musical 'Beatles Num Céu de Diamantes' reestreia no Teatro Folha

16 outubro 2017 |


Um dos maiores sucessos da dupla de diretores  Charles Möeller e Claudio Botelho apresenta grandes hits da banda The Beatles

O musical “Beatles Num Céu de Diamantes”, um dos maiores sucessos criados pelos diretores Charles Möeller e Claudio Botelho, retorna ao Teatro Folha para mais uma temporada que acontece de 28 de outubro a 17 de dezembro, com sessões de sexta-feira a domingo. O espetáculo reúne o que existe de mais representativo no repertório da banda que é um ícone do rock mundial.

A temporada paulistana é resultado de mais uma parceria entre Möeller & Botelho e a Conteúdo Teatral. Em cena, 8 atores-cantores, acompanhados por piano, contrabaixo e percussão fazem um espetáculo leve, jovem e emocionante. Eles revisitam a obra do quarteto de Liverpool e cantam “Lucy in the Sky with Diamonds”, “Yellow Submarine”, “She´s Leaving Home”, “Come Together”, “Across the Universe” entre muitas outras músicas conhecidas da banda. “A montagem estreou há dez anos, mas estou considerando uma estreia porque selecionamos atores que trouxeram uma expressividade diferente. Então fiz várias mudanças. O que era número solo virou trabalho do coro e antes o que era coro virou número solo, tudo acompanhado pelos músicos ao vivo. Fiquei realmente impressionado com o novo elenco”, diz o diretor Claudio Botelho. 
Vista por mais de 700 mil pessoas em 16 temporadas ao longo de 10 anos, a montagem chama a atenção pela ousada releitura nos arranjos que dispensaram a guitarra e valorizaram a sonoridade do contrabaixo, piano e percussão. O resultado musical se afasta de qualquer imitação dos arranjos da banda para mostrar releitura, originalidade criativa e o preciosismo nos arranjos vocais assinados por Jules Vandystadt, que por este trabalho ganhou o Prêmio Shell de Melhor Arranjo Original no Rio de Janeiro, em 2009.

Os diretores Charles Möeller e Claudio Botelho optaram em fazer o espetáculo sem determinar um enredo único. As canções sugerem diversas histórias e situações. A cada número musical, o elenco apresenta um estado cênico diferente para falar de sonhos, descobertas, amadurecimento, entre outros temas suscitados pelas músicas.
O jogo cênico toma conta do palco, com poucos recursos de cenografia. O elenco usa somente alguns objetos em cena, como, malas, guarda-chuvas, bolhas de sabão e cadeiras. “O espetáculo valoriza a presença dos artistas no palco, os arranjos, a obra da banda The Beatles”, diz o diretor que é acostumado a trabalhar com grandes mudanças de cenário e muitos recursos cênicos. Mas em “Beatles Num Céu de Diamantes” a opção foi valorizar a emoção, o clima dramático de cada cena.
A montagem
A primeira versão de “Beatles Num Céu de Diamantes” estreou em janeiro de 2008 no Teatro de Arena do Espaço Sesc, no Rio de Janeiro. Logo a montagem se tornou sucesso de crítica e público, passou pelo Festival de Teatro de Curitiba e em abril do mesmo ano reestreou no Teatro Leblon. Em 2009, a montagem foi apresentada na Maison de la Danse, em Lyon, França, com o título “In The Sky with Diamonds”, ganhando muitos elogios.
Nos anos seguintes a produção circulou pelo País em sucessivas temporadas.
Em 2017, dando início às comemorações dos 10 anos de estreia do espetáculo, foi realizada uma temporada em São Paulo e outra no Rio de Janeiro. Como o público adora o repertório da banda The Beatles e a montagem tem força para uma carreira ainda mais longa, a reestreia no Teatro Folha é mais uma oportunidade para quem ainda não viu o musical e para quem deseja rever em cena os clássicos deste ícone do rock.
SOBRE MöELLER & BOTELHO
Os diretores Charles Möeller e Claudio Botelho começaram a trabalhar juntos em 1990. A afinidade na parceria criativa resultou em grandes sucessos no teatro musical brasileiro. Juntos, realizaram mais de 30 espetáculos apresentados em todo o Brasil e em Países, como, França e Portugal.

Entre os espetáculos de maior sucesso estão “Um Violinista no Telhado”, coproduzido com a Conteúdo Teatral; “A Noviça Rebelde”, “O Mágico de Oz”, “Beatles num Céu de Diamantes”, “Ópera do Malandro”, “O Despertar da Primavera”, “Avenida Q”, “Gypsy”, “Milton Nascimento – Nada Será Como Antes”, “Hair”, “Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos”, “Os Saltimbancos Trapalhões – O Musical” e “Nine – Um Musical Felliniano”.

A Möeller & Botelho ganhou os mais importantes prêmios teatrais, entre eles o Shell, Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA), o Sharp, Governo do Estado do Rio de Janeiro, APTR e Qualidade Brasil.

FICHA TÉCNICA

Elenco: Andrei Lamberg, Carol Bezerra, Carol Pita, Daniel Klepacz, Diego Martins, Felipe Mafra, Giovanna Moreira e Ingrid Gaigher
Músicos: Juliana Ripke (piano), Pelé Nascimento (bateria) e  Noa Stroeter (baixo acústico)
Arranjos originais: Delia Fischer
Arranjos vocais e arranjos adicionais:   Jules Vandystadt
Direção de atores e preparação corporal: Fezu Duarte e Isser Korik

Diretor musical associado: Paulo Nogueira                         

Cenários: Charles Möeller                                                    

Recriação de figurinos: Isabel Gomez

Design de iluminação: Isser Korik
Equipe técnica: Jardim Cabine
Cenotécnico: Armando Junior
Assessoria de imprensa: Claudio Marinho

Fotos: Eduardo Leão

Coordenação de produção: Isabel Gomez

Produção executiva e administração: Pedro Pó

Direção: Charles Möeller

Direção musical: Claudio Botelho

Patrocínio: Bauducco e Eurofarma

Realização: Referendum Participações e Serviços

BEATLES NUM CÉU DE DIAMANTES

Estreia: 28 de outubro de 2017
Temporada: até 17 de dezembro de 2017
Apresentações: sexta-feira, 21h30; sábado, 20h e 22h; e domingo, 20h
Ingresso: R$ 50,00 (setor 2) e R$ 70,00 (setor 1).
Duração: 70 minutos
Classificação etária: livre 

TEATRO FOLHA

Shopping Pátio Higienópolis - Av. Higienópolis, 618 / Terraço / tel.: (11) 3823-2323 - Televendas: (11) / 3823 2423 / 3823 2737 / 3823 2323 Site:www.teatrofolha.com.br
Vendas por telefone e internet/ Capacidade: 305 lugares / Não aceita cheques / Aceita os cartões de crédito: todos da Mastercard, Redecard, Visa, Visa Electron e Amex / Estudantes e pessoas com 60 anos ou mais têm os descontos legais / Clube Folha 50% desconto / 50% de desconto para funcionários e clientes do Cartão Renner. Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a quinta, das 15h às 21h; sexta, das 15h às 00h; sábado, das 12h às 00h; e domingo, das 12h às 19h / Acesso para cadeirantes / Ar-condicionado / Estacionamento do Shopping: R$ 14,00 (primeiras duas horas) / Venda de espetáculos para grupos e escolas: (11) 3104-4885, (11) 3101-8589, (11) 97628-4993 / Patrocínio do Teatro Folha: Folha de S.Paulo, CSN, LG, Privalia, Nova Chevrolet, Wickbold, Owens, Teleperformance e  Grupo Pro Security.

SOBRE A CONTEÚDO TEATRAL

O grupo empresarial paulista Conteúdo Teatral atua há mais de quinze anos em duas vertentes: gestão de salas de espaços e produção de espetáculos. Como gestora é responsável pela operação do Teatro Folha, no Shopping Pátio Higienópolis, com direção artística de Isser Korik e direção comercial de Léo Steinbruch, programando espetáculos para temporada em regime de coprodução. No período de atuação a empresa soma mais de 2 milhões de espectadores.

Como produtora de espetáculos, viabilizou dezenas de peças, como “Gata Borralheira”, “O Grande Inimigo”, “Os Saltimbancos”, A Pequena Sereia”,“Grandes Pequeninos”,  “Branca de Neve e os Sete Anões”, “A Cigarra e a Formiga”, “Cinderela” e “Chapeuzinho Vermelho” para as crianças. Para os adultos foram realizadas, entre outras montagens, “A Minha Primeira Vez”, “Os Sete Gatinhos”, “O Estrangeiro”, Senhoras e Senhores”, “O Dia que Raptaram o Papa”, “E o Vento Não Levou”, “Equus” a trilogia “Enquanto Isso...”, além de projetos de humor – como “Nunca Se Sábado...” e “IMPROVISORAMA” – Festival Nacional de Improvisação Teatral. Em parceria com Moeller e Botelho produziu os Musicais “Um Violinista no Telhado”, “Todos os Musicais de Chico Buarque em 90 Minutos”, “Nine – Um Musical Felliniano” e “Beatles num Céu de Diamantes”. 

Foto: Eduardo Leão

Outubro Rosa tem palestras de conscientização nos Cras

|



De 17 a 31 de outubro a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), em Cabo Frio (RJ), vai promover uma série de ações voltadas exclusivamente para as mulheres. São atividades do Outubro Rosa, com conscientização e prevenção ao câncer de mama, e também do Projeto "Mulheres em Ação com os seus Direitos” promovido em parceria com a Coordenadoria-Geral dos Direitos da Mulher (CGDMulher). Com palestras, caminhadas e rodas de conversa, a programação acontecerá nas diversas unidades dos Cras, beneficiando centenas de mulheres de várias idades.

Dentro do Outubro Rosa, a programação começa nesta terça-feira (17), a partir das 14h, com a equipe do Cras do Jardim Esperança promovendo caminhada nas ruas do bairro e distribuição de lacinhos da campanha com apoio do Grupo do Serviço de Convivência.

No dia 25, às 14h, tem palestra com as Amigas da Mama no Cras do Manoel Corrêa com o tema "Prevenção e autoexame das mamas". No mesmo horário, no Cras do Jacaré, tem tarde de conscientização e beleza. No dia 26 as atividades acontecem no Cras da Praia do Siqueira, com a equipe de Estratégia de Saúde da Família (ESF) das Palmeiras falando sobre Saúde da Mulher, as principais formas de prevenção e a importância da mamografia, alertando sobre a necessidade do autoexame das mamas para o diagnóstico e tratamento precoce da doença. Também no dia 26, no Cras Central, palestras e dinâmicas sobre o câncer de mama serão promovidas pela equipe técnica às 9h e às 14h.

Já no dia 27, às 9h30, a médica Tania Marília estará no Cras de Monte Alegre fazendo palestra sobre o câncer de mama. No dia 30, das 9 às 16h, a programação acontece no Cras de Tamoios com um dia de beleza da mulher com maquiagem, corte de cabelo, escova e design de sobrancelhas. Às 14h tem palestra das Amigas da Mama no Cras do Jardim Esperança, e no dia 31, encerrando as atividades do Outubro Rosa, às 14h tem palestra com Joelma Fidalgo no Cras do Manoel Corrêa com o tema “Como superar o Câncer de mama”.

Já o Projeto "Mulheres em Ação com os seus Direitos” começa nesta terça-feira (17), às 8h30, no Cras Central, com roda de conversa sobre Direitos de Família, levando ao conhecimento das mulheres as mudanças na legislação e os avanços conquistados. Haverá ainda uma pequena apresentação sobre Feminicídio. A programação se repete no dia 19 no Cras do Manoel Corrêa (14h), dia 20 no Cras do Jacaré (14h), dia 23 no Cras de Monte Alegre (14h), dia 24 no Cras da Praia do Siqueira (14h), dia 25 no Cras do Jardim Esperança (8h30 e 14h), e dia 31 no Cras de Tamoios (às 8h e às 15h). Nos Cras Botafogo, além das atividades do projeto no dia 26, às 13h30, durante todo o mês também serão abordados temas específicos para as mulheres nos grupos de reflexão, como autocuidado e empoderamento da mulher.

Rosana Moreira, diretora do Departamento de Proteção Social Básica, aos quais os Cras são vinculados, ressaltou a importância das parcerias para a realização desses eventos, lembrando que “elas são fundamentais para complementar o trabalho desenvolvido nos Centros de Referência” e aproveitou para agradecer às Amigas da Mama e à equipe da Coordenadoria-Geral dos Direitos da Mulher.


Diante da Tua Glória

|


Diante da tua glória
Me fizestes chegar
A um ambiente igual ao céu
Onde estou a tremer

Eu me realizo ao olhar para Ti
Maravilhoso!
Como Tu és bom
Em mostrar tua face
Me tomar em teus braços eternos de amor
Sem disfarce em plena luz
Eu posso conhecer

O teu amor me enche de esplendor
Ilumina meu interior
E tudo o que há em mim completamente
Atende o meu clamor
Oh! Como é bom te ter, meu Salvador!

Aleluia!

Só tu és digno de honra e glória
Só tu és santo
Santo Deus

*Artista: Tiago Peres

*Foto: Internet

‘Marcia Peltier Entrevista’ Roberto Menescal na Rádio JB FM

15 outubro 2017 |


O Programa Marcia Peltier Entrevista na rádio JB FM  traz  na semana  de  16 a 22  de outubro , a  conversa com um dos maiores nomes da Bossa Nova,que  completa 80 anos de vida no dia 25 de outubro: o compositor e produtor musical Roberto Menescal.

Ele é um dos maiores nomes da Bossa Nova,o movimento  que mudou para sempre a música brasileira.


É autor de sucessos eternos como ''O Barquinho','Rio'',"Nós e o Mar'' e várias outras composições.

Foi parceiro de nomes como Tom Jobim,Vinícius de Moraes,Nara Leão,Ronado Boscôli,entre outros.

Durante a conversa com Marcia Peltier, ele fala dos shows que está fazendo para comemorar os 80 anos,anuncia os discos que vai lançar ainda este ano,entre eles um só com canções dos Beatles,afirma que está sempre buscando inovar,comenta sua paixão pelas bromélias,admite que nunca foi boêmio e revela:quase perdeu o histórico concerto no Carnegie Hall em Nova Iorque por causa de uma pescaria...!

Você não pode perder  Roberto Menescal no Marcia Peltier Entrevista na Rádio JB FM  (99.9),em duas edições :de segunda à sexta,pela manhã  às 7h50 e  à noite,às 18h15,dentro do Painel JB.E aos sábados e domingos às 10h e18h.

E a partir de 23/10 você vai poder ouvir a entrevista completa também no site da JB FM(www.jb.fm).


Fotos: Divulgação

Tendal da Lapa terá espetáculos gratuitos para a família aos sábados, 12h

13 outubro 2017 |


Abrindo a programação no dia 14, a Caravana Tapioca apresenta o divertido “O circo de Lampezão e Maria Botina”. Nessa divertida peça, os palhaços Cavaco e Nina contam a história de um casal que vive no sertão: Maria Botina, que sonha em ser levada por um cangaceiro, e Lampezão, que finge ser valente para impressioná-la. Em meio a muitas trapalhadas nessa conquista, os dois tocam música ao vivo, fazem malabarismo com baldes, mágicas, número com chicotes, entre outras habilidades circenses.


Dia 21 quem toma a frente é a Trupe Irmãos Atada, que ocupa o espaço e transforma o Tendal da Lapa em um verdadeiro velho oeste, com o espetáculo “Bang Bang à Pastelana”. Recheado de números circenses e palhaçadas clássicas, o espetáculo circense traz à cena os embates clássicos dos filmes de bang-bang italiano e do faroeste americano. Entre tiroteios no saloon, show de cancan, trapaças e confusões, a história narra a saga de três artistas  mambembes que estão viajando para a cidade Dog Bullcity, a fim de apresentarem seu grande show. Surgem então, os três bandidos mais procurados do Velho Oeste, que dispostos a realizar um grande assalto no mesmo dia e na mesma cidade, tentam se passar pelos artistas. Quem será que vai levar a melhor? Os inocentes artistas ou os malvados bandidos? Só assistindo para descobrir.


No dia 28 entra em cena a Cia Suno, apresentando o espetáculo “Na Roda com Sanduba”. Fruto de uma intensa pesquisa em espetáculos de rua, a companhia traz à cena o personagem Sanduba como um palhaço viajante, mambembe, cigano, que utiliza técnicas de faquirismo para atrair a atenção do público. Malabarismos com facas, cama de prego, rola-rola e monociclo girafa são os materiais utilizados nos números deste divertido show. Todos os números têm a ótica do palhaço e sua relação com este universo misterioso.


Encerrando a mostra Circo, apresenta-se no dia 04 de novembro a ABBACIRCUS, com o espetáculo “Ah! Com que será?”.  O espetáculo traz à cena o cotidiano solitário de uma bruxa muito engraçada, que é tirada do sério por personagens para lá de esquisitos que vêm ao seu castelo para pedir-lhe em casamento. Nesse universo recheado de fantasia, o público é surpreendido diante de uma trama eloquente e contagiante. Para tocar na poética do amor entre monstros e bruxas, o grupo amparou-se no seu forte: a linguagem circense, com números de malabares e aéreos.

Anotem na agenda: as apresentações são gratuitas e acontecem sempre às 12h, no Tendal da Lapa. Traga sua pipoca e aproveite, porque as risadas são garantidas!!! Os ingressos serão distribuídos com 01h de antecedência.


O que: O Circo de Lampezão e Maria Botina – Caravana Tapioca
Com quem: Elenco - Anderson Machado e Giulia Cooper // Dramaturgia e Direção – Ésio Magalhães
Quando: 14 de outubro, às 12h
Duração: 50 minutos

O que: Bang Bang à Pastelana – Trupe Irmãos Atada
Com quem: Anderson Spada, Emerson Almeida, Sandro Fontes e Paulo Ygar // Dramaturgie – Trupe Irmãos Atada // Direção – Márcio Douglas
Quando: 21 de outubro, às 12h
Duração: 50 minutos

O que: Na Roda com Sanduba - Cia Suno
Com quem: Elenco - Duba Becker // Dramaturgia – Cia Suno // Direção – Helena Figueira
Quando: 28 de outubro, às 12h
Duração: 50 minutos


O que: Ah! Com quem será? - ABBACIRCUS
Com quem: Elenco- Francisco Lcl Rolim e Patrícia Htr Lemos // Dramaturgia e Direção - Francisco Lcl Rolim
Quando: 04 de novembro – 12h
Duração: 60 minutos

Onde: Tendal da Lapa
Endereço: Rua Guaicurus, 1.100 – Água Branca
Telefone: 11 3862-1837
Estacionamento Grátis (Rua Constança, 72)
Quanto: Grátis (Retirar ingressos com 01h de antecedência)   

Fotos: Divulgação




Em comemoração ao Dia Mundial do Pão, o SENAI Niterói e o Sindipanific (Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria de Niterói e São Gonçalo) vão oferecer oficinas e degustações gratuitas na próxima segunda-feira, 16 de outubro, no Horto Florestal do Fonseca.

A carreta móvel de panificação do SENAI – uma sala de aula sobre rodas - estará estacionada no local, das 9h às 16h, onde os participantes poderão aprender sobre pão de batata, pão italianinho, lua de mel, pizza, brigadeiro gourmet, pastel de forno e biscoito doce e salgado. Ao final das aulas, poderão degustar os produtos.

A participação é gratuita e as inscrições serão feitas no local. O endereço é Rua Alameda São Boa Aventura, 770, bairro Fonseca, Niterói.

Veja abaixo a programação completa:

9h - Brigadeiro Gourmet
10h - Pastel de forno
11h - Biscoito Doce e Salgado
12h - Pizza
13h - Intervalo
14h - Pão de Batata
15h - Italianinho
16h - Lua de Mel


Foto: Carlos Felipe Araújo

Trem - Bala

|


Não é sobre ter todas pessoas do mundo pra si
É sobre saber que em algum lugar alguém zela por ti
É sobre cantar e poder escutar mais do que a própria voz
É sobre dançar na chuva de vida que cai sobre nós
É saber se sentir infinito
Num universo tão vasto e bonito é saber sonhar
Então, fazer valer a pena cada verso
Daquele poema sobre acreditar
Não é sobre chegar no topo do mundo e saber que venceu
É sobre escalar e sentir que o caminho te fortaleceu
É sobre ser abrigo e também ter morada em outros corações
E assim ter amigos contigo em todas as situações
A gente não pode ter tudo
Qual seria a graça do mundo se fosse assim?
Por isso, eu prefiro sorrisos
E os presentes que a vida trouxe pra perto de mim
Não é sobre tudo que o seu dinheiro é capaz de comprar

*Artista: Ana Vilela

*Foto: Internet

Crianças hospitalizadas participam de programação do Dia das Crianças

12 outubro 2017 |


A Semana da Criança  está movimentando crianças em diversas programações no município. O Hospital Público de Macaé (HPM), no Rio de Janeiro, não ficou de fora com atividades especiais realizadas, nesta quarta-feira (11), para 40 crianças e adolescentes atendidos do Programa Classe Hospitalar assistidos nas pediatrias e pronto atendimento. A programação faz parte da culminância do projeto "Uma dose de leitura", que destaca  questões como incentivo à leitura e artes. A ocasião foi marcada pela apresentação do grupo HistoriArte, contadores de histórias da rede municipal, dinâmicas, brincadeiras e apresentação do grupo de voluntários "Rir para não chorar".

Mesmo hospitalizados,  a festa foi marcada por sorrisos e brilho no olhar da garotada. Edite Cristine Brito, aluna da Escola Municipal Wanderley Quintino (Malvinas), fez questão de dançar e cantar com os palhaços. Com apenas  4 anos, a menina, que está se recuperando de bronquite asmática, fez questão de fazer os exercícios escolares. "Gosto de brincar e estudar.  Quando melhorar vou estar com meus amigos na escola", disse, animada, acompanhada pela mãe  Adriana Brito.

A atividade também contou com a participação do pequeno Brayan Arthur Gomes, 2 anos e oito meses, o menino que está se recuperando de uma bactéria era um dos mais empolgados. A mãe, Saionara Gomes, elogiou a atividade em homenagem às crianças. "Meu filho não tem previsão de alta. Ele vai passar o Dia das Crianças internado. Essa festa é muito importante para ele e outras crianças, que estão aqui", conta.

Classe Hospitalar
Com a realização  do programa Classe Hospitalar, o objetivo da rede municipal é dar continuidade aos estudos e melhorar a adaptação dos pacientes hospitalizados. O trabalho oferece suporte e acompanhamento pedagógico específico para os alunos atrelado às atividades desenvolvidas nas escolas. Para facilitar  o retorno às salas de aula, os profissionais do "Classe Hospitalar" aplicam  exercícios e provas específicas no próprio hospital conforme o planejamento pedagógico da unidade.

O "Classe Hospitalar" conta com a atuação de professores e auxiliares de serviços escolares. A equipe ministra atividades como,  trabalhos lúdicos, desenvolvimento de jogos pedagógicos a exemplo de xadrez e estimulação, letramento e  contação de histórias. As ações são realizadas em duas salas específicas dotadas de materiais e brinquedos pedagógicos, mesa para atividades voltadas para o ensino-aprendizagem.

De acordo com o secretário de Educação, Guto Garcia,  a rede municipal atende ao Conselho Nacional de Educação, que prevê o atendimento educacional à crianças em tratamento de saúde, que implique internação hospitalar. "O município também segue as determinações do Ministério da Educação (MEC), que indica a ação integrada entre os sistemas de ensino e saúde, por meio das classes hospitalares, na tentativa de dar continuidade ao processo de desenvolvimento e aprendizagem", pontua.
Atendimento Domiciliar
Os estudantes que receberam alta hospitalar, mas ainda não têm condições de voltar à escola contam com atendimento domiciliar, vertente diferenciada  do "Classe Hospitalar", que visa manter o vínculo e reintegração à escola. O trabalho promovido em domicílio é mais um suporte para os alunos que apresentam doenças crônicas ou algum comprometimento, que os impede de frequentar a escola. O atendimento em casa é mais um estímulo para resgatar o vínculo com a escola.

Foto: Divulgação


Eu vou chegar lá

|


Estou caminhando pra chegar mais perto
Mas, entre mim e a promessa há um deserto
E eu não vou parar de avançar

E a cada passo aumenta o cansaço
Olho pro horizonte lá do outro lado
A promessa que estou a esperar

E o Deus que me trouxe ate aqui
Me fará prosseguir, eu vou chegar lá
A palavra que me manteve em pé aqui
Alicerçou minha fé, eu vou chegar lá

Eu vou avançando e não penso em parar
O choro dura só até o sol raiar, eu vou chegar lá
Eu já caminhei bastante e não dá pra voltar
Estou quase chegando, eu vou adorar, eu vou chegar lá

E o Deus que me trouxe ate aqui
Me fará prosseguir, eu vou chegar lá
A palavra que me manteve em pé aqui
Alicerçou minha fé, eu vou chegar lá

*Artista: Tiago Peres

*Foto: Internet

'Lá Fora é Pior' estreia no Teatro dos Arcos

11 outubro 2017 |



O espetáculo “Lá Fora é Pior” marca o nascimento do Núcleo de Pesquisa Teatral Arcos Dramatúrgicos, composto por seis autores e orientado por Fabio Brandi Torres. O espetáculo estreia dia 02 de novembro no Teatro dos Arcos dentro da programação das Satyrianas e segue em temporada até 19 de novembro. Esta é a quarta montagem que o Projeto Berçário Teatral disponibiliza ao público, gratuitamente, no espaço cênico localizado na região da Bela Vista.

Com temas como especulação imobiliária, dependência tecnológica e a relação do indivíduo imerso em crises sociais e políticas, o espetáculo escrito e dirigido coletivamente, é formado por uma dramaturgia fragmentada que se entrelaça em um eixo comum: a afirmação de que lá fora é pior.

No palco pode-se conferir o resultado do trabalho de autores selecionados para o projeto em duas etapas, em que, após a apresentação de uma cena livre, os escolhidos produziram uma cena inspirada no espetáculo de improviso “Não Tem Xícara”. Situações foram propostas como gatilho para improvisações, o que gerou material para o desenvolvimento das cenas. “O processo é baseado em um método em que os atores inspiram e interferem no desenvolvimento do texto, dando oportunidades aos dramaturgos para exercitarem o diálogo com o elenco e arriscar-se entre dois gêneros: humor e terror”, explica Ian Soffredini, diretor artístico do Teatro dos Arcos e idealizador do projeto.

SOBRE O PROJETO BERÇÁRIO TEATRAL

O projeto Berçário Teatral tem como objetivo viabilizar apresentações de espetáculos com entradas gratuitas no Teatro dos Arcos, localizado na Bela Vista. A realização começou no início de agosto este ano com o espetáculo de improviso “Não Tem Xícara”, idealizado e dirigido por Ian Soffredini. Depois recebeu as montagens inéditas “Terra dos Outros Felizes – o Jogo dos Amigos Imaginários”, texto de Michelle Ferreira e direção de Vanessa Guillen; e “Existe Sexo Depois do Casamento?”, de Jeff Gould, direção de Isser Korik. O projeto ainda apresentará mais dois espetáculos até janeiro de 2018.
FICHA TÉCNICA

Dramaturgia e direção - Núcleo de Pesquisa Teatral Arcos Dramatúrgicos: Júlia Zocchi, Luciana do Valle, Fabrício Branco, Giovanna Paixão, Mateus Ciucci Ferreira, Fernanda Rocha e Fabio Brandi Torres.
Elenco: Aline Ewald, Cyro Moraes, Fefa Codesso e Maíra De Grandi
Direção musical: Andres Giraldo
Iluminação: Herick Almeida
Realização do projeto Berçário Teatral - Doidim Participações Ltda

“LÁ FORA É PIOR”

Local: Teatro dos Arcos
Estreia: 02 de novembro
Temporada até: 19 de novembro 
Apresentações: dias 02 e 03 de novembro, quinta e sexta-feira, às 19h; de 04 a 19 de novembro, sábados e domingos, às 19h.
Ingresso: Grátis (entrega de convites no local uma hora antes da sessão)
Duração: 90 minutos
Classificação etária: 12 anos

TEATRO DOS ARCOS
Teatro dos Arcos (Rua Jandaia, 218. Bela Vista. Tel.: 11 3101-8589)

Capacidade: 70 lugares

Horário de funcionamento da bilheteria: somente nos dias de apresentação, uma hora antes.

Acesso para cadeirantes
Ar-condicionado
Estacionamento conveniado: Avenida Brigadeiro Luiz Antônio, 502. Valor: R$ 20,00


 Foto: Sassá Tamashiro